Logo

Notícias

Informações relevantes da AVVD-Brasil


Últimas Notícias: Informações relevantes da Associação "A Verdadeira Vida em Deus" - AVVD-Brasil.

Informação e Reflexões sobre o IX Retiro Latino Americano em Aparecida, Brasil, de 23 a 27 de novembro de 2016

 

A Verdadeira Vida em Deus

Boletim Informativo

tlig2

 

Venho dizer-te que o Deus que tu esqueceste jamais te esqueceu.

 

 

IX Retiro Latino-Americano

Reflexão do Grupo Argentino através do contato, o Sr. Pablo.

INFORMAÇÃO E REFLEXÕES SOBRE O IX RETIRO LATINO AMERICANO DE APARECIDA, BRASIL, DE 23 A 27 DE NOVEMBRO DE 2016

SOB O LEMA: “EU VOS AMO A TODOS E, PELA MINHA MISERICÓRDIA VENHO PARA AJUDAR-VOS A VOS UNIR” (AVVD, 12 Jan 1988) E A MATERNAL PROTEÇÃO DE NOSSA SENHORA APARECIDA

Pela primeira vez o Retiro Latino-americano foi organizado conjuntamente pelo Brasil e Argentina, testemunhando os laços que unem os leitores das Mensagens da AVVD em ambos os países.

A Primeira reflexão que surge é que Vassula não pode participar deste Retiro pelas prioridades que o Senhor estabeleceu, o que significa que tivemos que enfrentar todo o trabalho de organizar e conduzir o Retiro sem contar nem com as suas palavras, nem com o poder de atração da sua presença. Este desafio creio que foi assumido com responsabilidade pela Equipe Organizadora e por todos os participantes que com toda dedicação deram o melhor de si, o que permitiu que vivêssemos o Retiro com a serenidade necessária e desfrutando de toda a riqueza compartilhada. Vão aqui, portanto, nossos sinceros e calorosos agradecimentos à equipe organizadora, aos sacerdotes e a todos os participantes, inclusive a Vassula que esteve rezando pelo Retiro e aos que não puderam participar, mas que nos acompanharam amorosamente com suas orações.

A Segunda Reflexão é que o Brasil já tem uma estrutura muito adequada para levar avante um grande trabalho de evangelização e parecia que tinha recebido um apoio muito importante e. afinal, se esperava o começo de um trabalho muito intenso de colheita, e isto deve nos comprometer a rezar pelo sucesso desta “nova etapa” no Brasil. e que isto sirva de testemunho para os demais países da América.

Da parte da AVVD do Brasil, eles já contam com uma organização muito preparada para o funcionamento da Associação da AVVD e seu trabalho de difusão das Mensagens e evangelização por esses meio e a gestão das cinco Beth Myriam. O Brasil conta com diversas comissões para dividir as tarefas correspondentes; eles acabam de renovar a diretoria, as que assumiram durante o transcurso do Retiro, sendo o Contato Nacional: César Harger e seus colaboradores: Margarida dos Santos, Jane Carlos, Antonio Alexandre Baptista, Maria Aparecida Garcia, José Beneval Rosa, Joanna D’Arc (contato Nacional, deixando o cargo) e, como assessor espiritual, o Pe. Simeão de Souza Cordeiro.

Além de muito organizados, geraram muitas ideias para a difusão da AVVD e já puseram em prática várias delas com resultados positivos.

Seu financiamento advém de doações para as BM, venda de livros e assinaturas da revista. Esta última foi modernizada há um ano aproximadamente; atualmente consta de 12 páginas em cores, papel revista e quatro edições por ano. De tudo o que se arrecada com as assinaturas, um terço se destina aos custos de impressão e correio, um terço para sustentar os trabalhos de evangelização e o outro terço para ajudar as BM.

Como parte dos eventos organizados para o Retiro visitamos dois imensos espaços consagrados à Evangelização: a Canção Nova, fundada pelo Monsenhor Jonas Abib, salesiano e o Santuário de Nossa Senhora Aparecida.

A Canção Nova dispõe de um canal próprio de TV que começou em 1989 e chegou a ser o maior canal católico do Brasil, com retransmissão para todo o país. Dispõe também de inúmeras instalações para encontros carismáticos, uma das quais com capacidade para 53.000 pessoas, acomodações para convivências, culto aos santos, refeitório para pessoas carentes, capelas para adoração e um Templo com capacidade para pelo menos 3.500 pessoas, constituído em Santuário do Pai das Misericórdias. Estes locais têm como objetivo fazer com que o peregrino viva o Amor Misericordioso do Pai. Não pude deixar de associar o nome desta Fundação ao comentário que Soror Anna Woods faz no capítulo 1º. do livro “Convite a ser Um com Cristo”, sobre a profecia rabínica que se refere a 10 Hinos que serão cantados na terra, 9 dos quais estão nas Escrituras e o 10º. será cantado quando o Messias vier e o identifica com A Verdadeira Vida em Deus.

 

×

O Santuário de Nossa Senhora Aparecida: de enormes dimensões, apenas inferior à Basílica de São Pedro, em Roma e tem capacidade para 45.000 pessoas. No domingo, 27 de novembro, tivemos ali a Santa Missa, às 08:00 horas e estava lotada de gente, estimam em 50.000 pessoas. O Cardeal Raymundo Damasceno, presidiu a Missa, ele que é o Arcebispo de Aparecida e está próximo de se tornar Cardeal emérito.

No início dessa Missa, o Arcebispo Dom Raymundo Damasceno fez uma apresentação da AVVD que é dedicada a promover a unidade dos cristãos e dando as boas-vindas aos participantes do IX Retiro Latinoamericano e aos Bispos e sacerdotes que os acompanhavam, mencionando particularmente o Monsenhor Kissag Mouradian, da Igreja Apostólica da Armênia, da Argentina e Chile e ao Presbítero David George, da Igreja Anglicana da Argentina. No total ele mencionou a AVVD umas 9 vezes. Esta Missa foi transmitida para todo o país pelo canal de TV do Santuário.

Tivemos a oportunidade de sentir a devoção e a piedade do povo de Deus e a proteção de Nossa Mãe àqueles que recorrem a Ela, de vez que se constatam numerosos milagres como é comum nos Santuários. Apesar da numerosa afluência ao santuário o que nos surpreendeu foi o silêncio reinante. Desfrutamos também dos cânticos que acompanharam dignamente a celebração.

 

 

 

×

A terceira reflexão surge de termos constatado que muitos membros da AVVD estão carregando pesadas cruzes, e que também vão avançando na idade e não têm a mesma energia de quando começaram, mas que têm mantido uma atividade perseverante ao serviço da AVVD e isto não acontece somente no Brasil, mas em outros países também.

Esta realidade motivou inclusive que por ocasião deste Retiro e, ao contrário do habitual, salvo o Brasil (140 participantes) e a Argentina (15 representantes), outros países apenas foram representados por só uma pessoa: México, Panamá, Estados Unidos e Equador; e os demais não estiveram representados. Lamentamos a ausência de muitos amigos aos quais desejávamos encontrar e com os quais desejávamos poder compartilhar. A conclusão, novamente, é que acreditamos que devemos rezar por todos eles e pela AVVD de toda a América Latina e pedir ao Senhor novos integrantes para trabalhar com entusiasmo na difusão das Mensagens. Também desejamos convidá-los para que ofereçamos generosamente parte do nosso tempo e convidemos os novos leitores para virem juntar-se a nós para trabalhar coordenadamente, formando parte das Associações da AVVD ou, pelo menos, colaborando com elas.

Com referência ao conteúdo do Retiro, podemos dizer que temos a sensação de que os sacerdotes que vieram da Argentina contribuíram com um acréscimo muito valioso, já que foi o único grupo que ofereceu o testemunho de unidade de várias tradições cristãs, tanto nas palestras como na convivência, com toda a riqueza que isto significa. Também devemos destacar que duas das palestras foram conduzidas por leigos profundamente conhecedores das Mensagens.

Poderíamos dizes que se sintetizarmos o que foi dito pelos dois diferentes palestrantes, ficamos com as seguintes ideias: Devemos unir-nos a Cristo deixando-nos formar pelo Espírito Santo se quisermos contribuir para a Unidade, já que esta será realizada pelo Espírito Santo, pelo qual houve um chamado especial a viver em santidade e abertos à divinização e aos esponsais místicos, a viver as Bodas do Cordeiro, entregando nossa vontade inteiramente para que resplandeça em tudo a Vontade de Deus. Houve, também, reflexões sobre as recomendações do Papa Francisco sobre a Unidade.

O Pe. Teófilo realizou várias palestras: nelas expos também a urgência da hora, a necessidade de nos comprometer testemunhando o muito que temos recebido através da AVVD e respondendo ao pedido do Senhor de reparar e se oferecer inclusive como almas vítimas.

Os títulos das palestras: “A Misericórdia de Deus e a evangelização nas Mensagens da AVVD”; (Pe. Simeão); “Eu Sou a Videira e vós sois os ramos” (Pe. Daniel Aguilera - Rito Greco-melquita - Argentina); “Eu e o Pai Somos Um” (Presbítero David – Anglicano – Argentina). “A Misericórdia divina” (Pe. Teófilo – Panamá). “Nossa Senhora: Mãe de Deus e nossa” (José Beneval). “O Espirito Santo e a AVVD” (Pe. Teófilo). “A AVVD e os 1.000 anos de Misericórdia” (Prof. José Hipólito). “O Arrependimento: a urgência da conversão e de viver santamente” (Pe. Teófilo). “A Unidade nas Mensagens da AVVD” (Pe. Teófilo). “Testemunho do Encontro com o Papa Francisco, na Armênia” (Arcebispo Kissag Mouradian – Igreja Apostólica Armênia – Argentina). “Que bom é para os irmãos estar unidos e viver juntos” (Monsenhor Pablo – Igreja Católica Armênia – Argentina). É necessário comentar que o Monsenhor Pablo ao chegar o momento da sua palestra, deixou de lado o que havia preparado e expôs, de forma introdutória, sua história familiar e pessoal, no marco do Genocídio Armênio; sua vocação, sua amizade com o Arcebispo Mouradian, da Igreja Apostólica Armênia, ali presente, para desembocar no que ele considerou essencial para a unidade: nossa união pessoal com Deus. É válido recordar que a Armênia foi a primeira nação cujo Rei declarou o Cristianismo como religião oficial, no ano de 300.

O Pe. Simeão de Souza Cordeiro, assessor espiritual da AVVD no Brasil, contribuiu com as seguintes conclusões no final do Retiro:

- Estar atentos ao que o Senhor quer de nós depois deste Encontro;

- Ter a determinação de perseverar;

- Já que houve uma numerosa participação de sacerdotes (e bispos), ele propôs a conveniência de organizar um retiro para sacerdotes da AVVD e, também, que em todos os grupos de oração se dedique um tempo para rezar pelos sacerdotes;

- Viver a alegria de todo o caminho já percorrido na busca da unidade e do conhecimento das Mensagens;

- Finalmente, incentivou a que tenhamos presentes as propostas do Papa para continuar o trabalho ecumênico naquilo que nos une; Compartilhar o trabalho de assistência aos mais carentes, compartilhar a oração e valorizar juntos e compartilhar o martírio.

Cabe juntar aqui uma menção à homilia feita pelo Monsenhor João Evangelista Terra no Santuário do Pai das Misericórdias, na Canção Nova, onde, com grande autoridade e doçura desenvolveu extensamente o tema da Profecia no Novo Testamento convidando-nos a valorizá-la e dando exemplo de profetas “contemporâneos”; ele mencionou os pastores de Fátima, o fundador da Canção Nova e, em geral, os fundadores de Congregações ou novos movimentos eclesiais que costumam ter o dom profético; avaliou positivamente a tarefa do Prof. Felipe Aquino, continuador da obra do Padre fundador Jonas Abib e destacou o dom profético de Vassula. Destacou como o Senhor forma os profetas, na Sua Intimidade e que devemos agradecer-Lhe por enviá-los a nós e respeitá-los, cada um com sua vocação, com sua missão particular.

Com relação aos Grupos de Oração: constatamos a grande dificuldade para manter a perseverança. Achamos que devemos colocar nossos esforços para manter a continuidade dos grupos e convidar os novos leitores da AVVD a participar dos mesmos. É um espaço de contenção, de acompanhamento, de discernimento que ajuda a enfrentar as múltiplas dificuldades que surgem continuamente para vivenciar o que foi proposto pelo Senhor nas Mensagens. Além disso, é um lugar apropriado para o aprofundamento do conteúdo das mesmas.

Beth Myriam - a exposição deste tema ficou a cargo de Berenice que transmitiu conceitos importantes sobre a necessidade de “sair pela periferia”, enfrentar a manutenção dessas casas com responsabilidade e compromisso comunitários... Foi constatada uma preocupação importante para manter o funcionamento das BM e conseguir novos colaboradores, tanto para realizar as tarefas cotidianas como para cobrir os gastos. Como é de costume, houve maravilhosos testemunhos dos milagres que acompanham o trabalho daqueles que promovem estas Casas de Maria e as maravilhosas conversões que ali se realizam.

O Retiro aconteceu no Hotel Rainha do Brasil, com uma infraestruturo muito apropriada para grandes convenções e que pertence à Arquidiocese de Aparecida. Conta com uma bonita capela no meio de um grande parque, além de uma capela interna onde se realizou a Adoração noturna.

Ministério de Música – é um aspecto sempre de grande destaque dos nossos irmãos brasileiros. Participaram pessoas de lindas vozes e com unção, inclusive uma familia com seus filhos. Cantamos varias vezes o Pai Nosso, em Aramaico, que foi sempre um momento de grande unção. Lembramos também o lindo canto ao Espírito Santo chamado “Eu Navegarei”. Também houve outros lindos cantos a Nossa Senhora Aparecida, a quem se dedicou o Rosário das Rosas: ao iniciar cada Ave Maria, um dos presentes colocava um vasinho com uma linda rosa de cor salmão numa das contas de um grande rosário, em forma de coração que estaba desenhado aos pés do altar. No lugar dos Pai Nossos era colocada uma rosa vermelha. Ao terminar, a imagen da Virgem Santíssima foi levada num andor para que fosse venerada por todos os presentes. O que deu lugar a esta invocação foi uma imagen pequeña, negra, e que foi milagrosamente pescada por uns pescadores no rio que passa justamente por detrás do Hotel, o corpo primeiro, a cabeça num remanso a uns 300 metros de distancia. No ano que vem se completarão os 300 Anos desse acontecimento. Ela é a padroeira do Brasil.

Houve um Ministério de Cura, com imposição das mãos, por parte de todos os sacerdotes presentes: cada um, ao aproximar-se de um sacerdote, manifestava o que desejava curar ou a graça que desejava receber. Como é de costume, foi um momento de grande intensidade e muita unção com uma forte Presença do Espírito Santo.

 

O Pe. Daniel Aguilera dirigiu um momento maravilhoso de oração em silêncio com a Oração do Nome de Jesus, que ele explicou previamente, e nós fomos agraciados com a presença da tradição das Igrejas do Oriente.

As Missas foram todas celebradas em rito latino, em geral na Capela do parque do hotel que tem grandes janelas e vista para o parque, concelebradas pelos vários sacerdotes participantes. As duas últimas missas foram realizadas no Santuário do Pai das Misericordias e no Santuário de Nossa Senhora Aparecida.

 

Para concluir, consideramos que foi uma excelente iniciativa da Associação da AVVD da Argentina financiar as passagens de alguns sacerdotes (o custo do Retiro recebeu um abatimento para os sacerdotes dado pela Associação do Brasil) como também uma parte da passagem de um dos integrantes de um dos grupos de oração mais novos e motivar aos demais a colaborar, mediante uma coleta, para a pessoa que decidiu viajar. Iniciativas como estas nos ajudam a sentir-nos participantes de uma grande familia e a colaborar uns com os outros.

Asociación de la VVeD de Argentina

Ana Cousillas, Hugo Sabbadini y Pablo Cuomo, testemunhas de la VVeD
Buenos Aires, 8 de Dezembro de 2016.
Fotografía: María Susana

 

 

 

A Verdadeira Vida em Deus

Boletim Informativo

tlig2

 

 

 

Venho dizer-te que o Deus que tu esqueceste jamais te esqueceu.

 

  

Carta sobre a Mensagem de 13/02/2016 do Padre Joseph Iannuzzi

09 DE MARÇO 2016

 

 

Pe. Joseph Iannuzzi é um ilustre teólogo e autor (detalhes em http://www.ltdw.org/about-fr-joe.html ).  Após a distribuição de mensagem de A Verdadeira Vida em Deus recebida por Vassula no mês passado, ele enviou a seguinte carta para alguns de seus correspondentes:

 

Recentemente recebi emails de pessoas de vários países perguntando-me se a revelação privada recebida em 13 de fevereiro de 2016 por Vassula Rydén (veja abaixo) é de fato autêntica.

Como teólogo especializado em Teologia Dogmática e Teologia Mística, familiarizado com o critério pelo qual se determina a veracidade ou não de supostos videntes, me abstenho de apoiar qualquer pessoa que alegue receber mensagens que contradigam o ensinamento divino ou da igreja. De modo inverso, estendo o meu apoio àquelas mensagens cujo conteúdo é consistente com as verdades divinas reveladas contidas dentro do Depósito da Fé.pe Joseph Iannuzzi

Relativamente às revelações privadas de Vassula Rydén, que se encontram publicadas, cujas páginas examinei assiduamente por mais de 25 anos, posso felizmente afirmar que as mesmas não contém nada contrário a fé e morais da Igreja – não contradizem a Sagrada Escritura, a Sagrada Tradição ou o Magistério da Igreja. De fato, o selo de aprovação da hierarquia da Igreja que elas ostentam, ou seja, imprimatur e nihil obstat, é mérito seu. Mais ainda, seu conteúdo revela um dos chamados mais amorosos e urgentes à Igreja e à humanidade neste momento crítico de sua história em que muitos testemunharão o cumprimento das profecias bíblicas.

Recordemos que quando Nossa Senhora de Fátima profetizou que muitas nações da terra seriam aniquiladas se a humanidade não se convertesse, ela o fez depois de um apelo urgente à Igreja e à humanidade em um momento crítico de sua história. Vejo um apelo paralelo à Igreja e à humanidade hoje nas revelações privadas de Vassula Rydén eclesiasticamente aprovadas. Significativamente, as conseqüências deste apelo, se não atendido, serão globais.

Com relação à hierarquia da Igreja, em 2005 o teólogo Vaticano e Bispo Joseph Grech foi designado pelo  Cardeal Joseph Ratzinger para perguntar a Vassula, em nome da CDF, certas perguntas sobre seus escritos. O mesmo Bispo J. Grech foi elevado a Cardeal em 2012 e fez a meditação de abertura do conclave que elegeu o Papa Francisco. Mais recentemente, Cardeal Prospero Grech escreveu uma oportuna crítica para seu recente livro, “O Céu é Real, mas o Inferno também”, que foi publicado em “Inside the Vatican” (edição de janeiro de 2014). É digno de nota que a receita da venda dos escritos de Vassula é voltada ao sustento de órfãos, pobres e famintos que ela foi inspirada a assistir em 1998 através do estabelecimento de Casas Beth Myriam internacionais.

Com respeito àqueles que desaprovam os escritos aprovados de Vassula com base na Notificação do Vaticano de 20 anos atrás ou na carta de 2007 do Prefeito para a CDF, recordo aqui dos escritos de Antonio Rosmini, Faustina Kowalska e Luisa Piccarreta, que uma vez foram colocados no Índex dos Livros Proibidos, para depois serem atentamente examinados por teólogos qualificados e reabilitados em sua totalidade. Ao contrário dos escritos de Antonio Rosmini, F. Kowlaska e L. Picarreta, os escritos de Vassula Rydén nunca foram condenados e, mais recentemente, grande quantidade de Cardeais, Bispos e Padres deram seu apoio por escrito e a felicitaram por eles e pelo estabelecimento das chamadas Casas Beth Myriam.

Cada árvore se conhece pelo seu fruto (Lucas 6, 44)

In Domino,

Rev. J.L. Iannuzzi, STD

15 de Fevereiro de 2016

 

 

 

Mensagem de 13 de fevereiro de 2016



Minha paz te dou; podes anotar Minhas Palavras?

Sim, Senhor...

esta geração é difícil de se dobrar; enfraquecidos por seus pecados, eles põem sua confiança em Satanás, estabelecendo nele a sua esperança; apesar de Eu Me ter colocado diante de cada um para que Me visse, poucos notaram; seus líderes tornaram-se cruéis, e a morte está à espera de muitas nações através de suas mãos; quanto chorei sobre ti, criação! Tu, cuja vida agora vai desembocar na morte; então, quando as chamas começarem a lamber como línguas de fogo teus habitantes, estalando no ar, Eu perguntarei a esta geração: onde acharás alívio? e em quem? em Satanás? em teu ego e em ti mesma?

chegou a hora de exercer Minha Justiça, porque o castigo desta geração descrente está às tuas portas; Minhas ordens serão cumpridas ao pé da letra; quando ouvires um trovão, Minha Voz será ouvida, trovejando em teus ouvidos, ressoando até os confins da terra; então saberás que o mundo e todos os que nele vivem ouvirão a voz da Justiça: o mal levará a morte a muitas nações... a ruína chegará furtivamente a cada cidade;

ouviste que "o Anjo de Javé cercará as cidades e nações" chamando todos ao arrependimento? isto é o que irá ocorrer nos dias vindouros;

portanto, tu que entraste em Minhas Cortes e acreditaste nas Minhas palavras, reza e não te apavores nem tenhas medo, mas tu que tens zombado das Minhas palavras por anos a fio, golpeando Meus profetas com a língua, cuidado! porque usaste mentiras para justificar tuas mentiras, enterraste, na realidade, Minhas Palavras em teu túmulo; sim, na realidade, tens distorcido Minhas Palavras; mas teus pecados criaram um abismo entre ti e Mim; e agora a Justiça não mais será contida; digo-te: amargos serão teus próximos dias quando te confrontarei... reza e não permitas que tuas pálpebras se fechem para caíres no sono! é assim que deves orar:

"Javé, meu Deus, que minha oração chegue a Vós,
ouvi nosso grito por misericórdia e socorro,
perdoai os que não têm fé em Vós, Meu Deus,
e não confiam nem mesmo em Vosso poder para nos salvar;

não extingais as luzes de nossos dias,
para que a terra, com isso, não definhe num instante;
mas, em Vossa Compaixão Paternal,
tende piedade de nós e perdoai-nos;
não permitais que o maligno derrame nosso sangue como água;
perdoai nossa culpa, reprimi Vossa ira,
lembrando-Vos de nossa fraqueza;

detende Vossos anjos da calamidade,
dando-nos mais uma chance para nos mostrarmos dignos de Vossa Bondade;
ponho minha confiança em Vós; amém"

com que alegria, então, receberei esta oração; esta oração que Me fará ceder! filha, abençoarei a todos que rezarem com sinceridade esta oração; que esta profecia seja ouvida; "o dia e a hora pertencem a Mim, vosso Deus" - isto é o que dirás aos que te perguntarem sobre o dia e a hora da Minha Justiça! O Amor te ama;

salfomeg

© Copyright Vassula Rydén, 2016.

 

­