Casas de Maria - Beth Myrians

Orientação de Como Conduzir um Grupo de Oração

A VERDADEIRA VIDA EM DEUS


INTRODUÇÃO:

Os escritos de “A Verdadeira Vida em Deus” nos ensinam a praticar a oração simples do coração e a transformar nossas vidas em uma incessante oração, que é permanecer em Deus e Deus em nós. Mas eles constituem também um poderoso chamado à formação de GRUPOS DE ORAÇÃO em todo o mundo. (Vassula)

Na Mensagem de AVVD-24 de março de 1994, o Senhor nos diz: Dizei-Me: o que darias para conquistar almas para Mim? O que farias para salvar almas?

E na Mensagem de AVVD-06 de outubro de 1999, Ele nos diz: Não há melhor serviço prestado a Mim do que Me trazer almas;

E ainda em sua Mensagem de AVVD-01 de fevereiro de 1994, Ele nos diz: ...cada vez que uma alma é trazida de volta a Mim através de Minhas Mensagens, gritos de alegria ressoam em todo o Céu;

Precisamos trabalhar para Cristo, conquistando almas para Ele! Precisamos difundir muito mais Suas Mensagens. Suas Mensagens salvam, pois é o próprio Cristo falando ao coração. Elas nos ensinam a amar a Deus como Ele deseja que O amemos e a rezar com o coração para que nossa oração seja ouvida nos Céus. Este Tesouro foi reservado para o nosso tempo. Um tempo de muita angústia e afastamento da fé e do amor. Mas através das Mensagens de “A Verdadeira Vida em Deus”, Deus veio em nosso auxílio.

Na Bíblia, Deus fala de um tempo em que ninguém precisará ensinar o outro, que o próprio Deus ensinará e que seria um tempo de muita angústia. "Então, ninguém terá encargo de instruir seu próximo ou irmão, dizendo: Aprende a conhecer o Senhor, porque todos me conhecerão, grandes e pequenos...." (Jeremias 31, 34)


PERGUNTAS E RESPOSTAS:

REFERENTES À FORMAÇÃO DE “GRUPOS DE ORAÇÃO DOS DOIS SAGRADOS CORAÇÕES”


Sim. Em 3 de dezembro de 1988, Vassula pergunta ao Senhor se os grupos de Oração são da Sua vontade. Jesus responde: …é a Minha Vontade; E na Mensagem que Vassula recebeu de Jesus, recentemente, no dia 22 de setembro de 2016, Ele nos diz: ...agradai Meu Coração, reuni-vos e recebei Minha Ternura...

Na Mensagem de 7 de julho de 1992, Jesus chama os Grupos de Oração de “Vinhas” que produzem frutos, e diz: ...espalhai vinhas onde puderdes; não tenhais medo das tempestades que se levantam de vez em quando; Meu Sagrado Coração é vosso Refúgio, portanto vinde e consagrai-vos e vossas famílias a Mim e ao Imaculado Coração de vossa Mãe; (AVVD-07 de julho de 1992)

Em Jakarta-Indonésia, março de 2016, Vassula falou aos organizadores do Encontro sobre a importância dos grupos de oração, dizendo: "Hoje, nós plantamos sementes novamente, mas elas vão morrer de novo se não as molhar. É preciso fertilizar o solo. É preciso manter contato com essas pessoas. É preciso começar grupos de oração. É o que Jesus nos pede”.

Em Manila-Filipinas, março de 2016, Vassula falou: "Devemos fazer o que Jesus pede, ir e cristianizar os que foram descristianizados... Você que recebeu, você deve dar ... Eu tenho viajado por 30 anos, sem parar. Esta é a minha missão, para ser eco de Deus!”


Na Mensagem de 2 de agosto de 1991, Jesus diz: Vassula, que vossos grupos de oração sejam chamados, Grupo de Oração dos Dois Sagrados Corações, uma vez que Nossos Corações são um e estão unidos no amor;

Você poderá também colocar para diferenciar, o nome do bairro e a cidade no final. Por exemplo: Grupo de Oração dos Dois Sagrados Corações - Centro (Joinville-SC), ou ainda, o nome de um Santo de devoção do grupo


Vassula diz que 2 pessoas é o suficiente para iniciar um Grupo de Oração.

Convide uma pessoa e inicie um grupo, seguindo as orientações do livreto “Orientações para os Grupos de Orações”.

É importante preparar o local onde acontecerá a Reunião. Faça um pequeno altar e decore com flores e uma vela. Coloque a Capelinha oficial dos Grupos, a Bíblia e o Livro Único das Mensagens.


Você poderá adquirir através de nosso representante no Brasil, Sr. Beneval, pelo e-mail: ou pelo fone: (47) 3423-3280 ou 99610-3232


Deve ser um lugar acolhedor, de muita união, muita paz, onde todos se sintam bem e os novos tenham vontade de voltar. Não deve ser um lugar de discussões, nem de estudo teológico.

Vassula disse recentemente: “Devemos transbordar tanto de paz e amor de modo que os que estiverem perto de nós sintam essa energia que vem de nós e entendam que somos verdadeiros discípulos de Cristo, formados por Ele. Na bíblia está escrito: Nisto todos conhecerão que sois meus discípulos, se vos amardes uns aos outros”. (João 13, 35)

É importante que quem conduz um Grupo seja alguém que já leu a Obra e continua a ler diariamente


A Bíblia, o Terço, o Livro das Mensagens e o livrinho “Orientações para os Encontros de oração”. É bom que todos os participantes tenham o livro “Orientações para os Grupos de Orações.

Não devemos levar nenhum outro livro para a Reunião. Vassula insiste que nenhuma outra espiritualidade deve ser trazida para o grupo de oração. A Espiritualidade de AVVD é única e não necessita de nada mais. Jesus mesmo disse a ela: ...seja prudente, não menciones coisas que não vêm desta Revelação; usa Minhas Palavras desta Revelação, e das Escrituras (Bíblia); (AVVD-26 de novembro de 1989)

Vassula diz que se alguém quiser seguir outra mensagem, deve fazer uma opção. A liberdade é um dom que cada um usa conforme sua consciência. Em nossos Grupos de Oração devemos ler e meditar a Bíblia e as Mensagens de AVVD.


A pessoa responsável pelo Grupo deve estar sempre em contato com o responsável pelos Grupos de Oração de AVVD no país, pelo e-mail: ou fone: (47) 99942-4699 (TIM) - Paulina

Recomenda-se também que seja assinante da REVISTA AVVD, que é o nosso meio de estarmos unidos e bem informados sobre a AVVD


Nada impede. O louvor é agradável ao Senhor, mas que sejam escolhidos cantos curtos, pois o tempo é limitado.


Vassula diz que não devemos ultrapassar 1h30 minutos.


Vassula diz que a reunião dos grupos de oração não deve ser realizada apenas uma vez por mês, mas uma vez por semana.

Vassula disse recentemente que o Senhor nos recomenda que as reuniões sejam feitas uma vez por semana e ainda que nos reunamos de vez em quando para uma refeição juntos, um café, para assim compartilhar nossas experiências espirituais e nos conhecermos melhor, uma forma de unir mais o grupo. Ela disse que o Grupo que se reúne apenas para rezar e depois cada um vai para sua casa, não está certo, não é o que Jesus quer. Ele nos quer unidos rezando e trabalhando para que Sua Mensagem seja conhecida.

É importante que quem conduz um Grupo seja alguém que já leu a Obra e continua a ler diariamente


Um Grupo de Oração de AVVD pode se reunir em qualquer lugar que seja conveniente. Normalmente nos reunimos em nossas próprias casas, em pequenos grupos, uma vez por semana.


Vassula aconselha que se faça somente quando houver pessoas novas e se for necessário. Mas que tenha muita cautela. Ela diz: “Aquele que impõe suas mãos nos outros deve permanecer pequeno, humilde, apagado, sabendo que não está em seu poder esta bênção, mas no Espírito Santo. A máxima humildade é não ser nada”. (Vassula, 08 de dezembro de 1998)

Você encontra instruções e orações para o momento da oração de cura no Livreto “Orientações para Grupos de Oração” (página 8)


Estar abertos às Mensagens, com Humildade e Amor (chaves da União). Ser fiel ao compromisso das reuniões do Grupo de Oração, para que assim possa continuar no caminho do crescimento cristão através das Mensagens. Provações e impedimentos sempre teremos. No Sagrado Coração de Jesus seremos consolados, encontraremos a paz, e ela nos fortalecerá quando surgirem as dificuldades.

Jesus diz: ...não tenhais medo das tempestades que se levantam de vez em quando; Meu Sagrado Coração é vosso Refúgio... (AVVD-07 de julho de 1992)


Entre em contato com a responsável pelos Grupos de Oração no Brasil (atualmente Paulina), pelo e-mail: ou fone: (47) 99942-4699 (TIM) e registre seu grupo, informando: Nome do grupo, endereço, nome e endereço do responsável pelo grupo, data do início do grupo e número de participantes. Se os participantes desejarem pertencer ao nosso cadastro de e-mails e receber informações, enviar também nomes e e-mails.


Na Mensagem de 17 de dezembro de 1988, Jesus mesmo nos dá todo o programa:

Jesus diz:

...primeiramente santificarás o lugar onde será Meu Encontro, como já o fizeste, rezando a oração de São Miguel; abre Meu Encontro dizendo estas palavras: “A Paz esteja convosco”; lembra-te de dizer às Minhas pequenas flores, que sou Eu, o Senhor, que dou Minha Paz e que essas palavras vêm de Minha Boca; em seguida, todos invocareis o Santo Espírito, todos rezareis a oração de São Miguel; tua era precisa desesperadamente dessa oração; Eu te indicarei sempre a passagem a ser lida da Bíblia Sagrada, como te indiquei no encontro passado para leres Joel 3, 1-5; desse modo, também, Eu te mostrarei o trecho da mensagem a ser lida; Meu desejo é que leias para eles; em seguida, dize-lhes porque escolhi essa passagem; isso deve ser seguido de tua leitura para eles de trechos de Minha Mensagem de Paz e Amor;

Como saberei que trecho devo ler para eles?

não te preocupes, não sou teu Conselheiro e Guia?

Sim, Meu Senhor.

depois de leres para eles, podes indagar-lhes se tem alguma pergunta; este tempo é livre para conversa; Eu te inspirarei, pequena; em seguida, gostaria de que lesses uma Mensagem relacionada com eles; agrada-Me oferecendo-lhes amor, agrada-Me terminando com o Santo Terço; (AVVD-17 de dezembro de 1988)

RESUMINDO

COMO CONDUZIR UM GRUPO DE ORAÇÃO



Jesus diz: ...primeiramente santificarás o lugar onde será Meu Encontro...

Antes da Reunião devemos rezar a Oração a São Miguel Arcanjo, pedindo a Ele que santifique o local.

“São Miguel Arcanjo, defendei-nos no combate, sede nosso auxílio contra as maldades e ciladas do demônio. Instante e humildemente pedimos que Deus sobre ele impere, e Vós, Príncipe da Milícia Celeste, pelo Poder Divino precipitai no inferno a Satanás e a todos os outros espíritos malignos que andam pelo mundo para perder as almas. Amém.”


1º. passo

A Paz esteja convosco

Jesus diz: ...abre Meu Encontro dizendo estas palavras: “A Paz esteja convosco”; lembra-te de dizer às Minhas pequenas flores, que sou Eu, o Senhor, que dou Minha Paz e que essas palavras vêm de Minha Boca...

Aquele que for conduzir o Grupo, deverá abrir a reunião, dizendo: “A Paz esteja convosco”, lembrando aos participantes que esta Paz é o Senhor Jesus quem nos dá.

Em seguida invoca-se a presença da Santíssima Trindade: Em Nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo.

2º. passo

Oração ao Espírito Santo

Jesus diz: ...em seguida, todos invocareis o Santo Espírito...

Todos rezarão juntos uma Oração ao Espírito Santo. (Ver na página 18 do livro “Orientações para os Grupos de Oração” ou escolher uma oração ao Espírito Santo contida nas Mensagens).

3º. passo

Oração a São Miguel Arcanjo

Jesus diz: ...todos rezareis a oração de São Miguel; tua era precisa desesperadamente dessa oração;

Em seguida todos rezarão a oração a São Miguel Arcanjo (está na página 70 do livro “Orientações para os Grupos de Oração”).

4º. passo

Leitura da Sagrada Escritura

Jesus diz: Eu te indicarei sempre a passagem a ser lida da Bíblia Sagrada...

Devemos rezar e pedir ao Senhor que nos guie para abrir onde Ele quer que leiamos.

Um dos participantes deverá abrir a Bíblia, aleatoriamente. É Jesus quem escolhe o texto para o grupo meditar. Todos ouvem em silêncio. Procure não ler textos muito longos.

Depois da leitura devemos ficar alguns minutos em silêncio meditando as Palavras e depois cada um poderá dizer qual o versículo que mais o tocou. Não devemos neste momento aproveitar para contar histórias ou testemunhos passados. Nossa partilha deve ser simples, não longa e devemos apenas ficar na passagem que Jesus escolheu para aquele momento, comentando o versículo que mais nos tocou.

5º. passo

Leitura da Mensagem de AVVD

Jesus diz: Eu te mostrarei o trecho da mensagem a ser lida...

Aquele que estiver conduzindo a reunião deverá abrir, ou solicitar alguém que abra o Livro das Mensagens de AVVD. É Jesus também quem escolhe a Mensagem para o Grupo.

DApós a leitura, todos meditarão sobre a Mensagem. Aqui também é importante não sair do texto.

6º. passo

Tempo de partilha

Depois da meditação e partilha você poderá perguntar aos participantes se alguém tem alguma pergunta sobre as Mensagens. Aqui o responsável pelo grupo deverá ter muita cautela para não responder nada além do que está nas Mensagens ou na Bíblia. Jesus já responde a todos os questionamentos. Se você não souber dar a resposta, no momento, entre em contato como responsável pelos Grupos de Oração no Brasil (atualmente Paulina), pelo e-mail: ou fone: (47) 99942-4699 (TIM).

Jesus mesmo diz: ...toma cuidado com o que ensinas; repete apenas as palavras que Eu Próprio te dei; não acrescentes ou subtrais nada; (AVVD-14 de julho de 1992)

7º. passo

Reza do Santo Terço

Jesus diz: ...agrada-Me terminando com o Santo Terço;

No livreto “Orientações para os Grupos de Oração” há a meditação dos Mistérios. A cada Reunião poderemos escolher um Mistério para meditar.

Se seu grupo for ecumênico, pessoas que ainda não conhecem o Terço, talvez seja melhor iniciar com a oração e meditação de uma dezena do Terço, a cada reunião do Grupo. Veja que Jesus somente pediu a Vassula para rezar o Terço em 1987, dois anos depois do inicio dos encontros com Jesus. Somente depois que ela conheceu Jesus e já O amava é que Ele pediu que rezasse o Santo Terço.

Coloca-se também, neste momento, as intenções do Santo Terço. (Lembre-se que nossa principal intenção, conforme desejo de Jesus, é rezar pela Unidade dos Cristãos e pela conversão dos pecadores).

8º. passo

Orações finais

Consagração pessoal ao Espírito Santo

Espírito Santo / Doador da vida / Unidade e Santidade /recebe a consagração perfeita e total de todo o meu ser/. Dignai-vos de ser /de agora em diante/ em todas as minhas ações/: O meu diretor, / a Minha Luz/, o Meu Guia, / a minha força/ e todo o amor do meu coração. / Eu me abandono sem reservas às tuas ações divinas/ e quero ser sempre dócil às tuas inspirações/. Espírito Santo, / transforma-me/ com Maria /e em Maria em Cristo Jesus, / para a glória do Pai e a Salvação do mundo. / Amém.

Oração pedindo ao Pai Eterno Misericórdia para o mundo

Em 13 de fevereiro de 2016 Jesus ditou esta oração para rezarmos todos os dias, pedindo a Misericórdia do Pai, por este mundo. E disse: ...abençoarei a todos que rezarem com sinceridade esta oração.

"Javé, meu Deus, que minha oração chegue a Vós, ouvi nosso grito por misericórdia e socorro, perdoai os que não têm fé em Vós, Meu Deus, e não confiam nem mesmo em Vosso poder para nos salvar; não extingais as luzes de nossos dias, para que a terra, com isso, não definhe num instante; mas, em Vossa Compaixão Paternal, tende piedade de nós e perdoai-nos; não permitais que o maligno derrame nosso sangue como água; perdoai nossa culpa, reprimi Vossa ira, lembrando-Vos de nossa fraqueza; detende Vossos anjos da calamidade, dando-nos mais uma chance para nos mostrarmos dignos de Vossa Bondade; ponho minha confiança em Vós; amém” (AVVD-13 fevereiro 2016)

(Vassula tem pedido, em todos os Encontros, para rezarmos esta oração todos os dias)

9º. passo

Encerramento

Encerra-se a Reunião, agradecendo a presença de todos e convidando os participantes para a próxima Reunião.


O Senhor nos diz: ...divulgai Meu Hino de Amor e fazei vinhedos aonde fordes; cultivai vossa terra e não hesiteis; não tenhais medo das tempestades que de vez em quando podem se levantar... Eu Sou convosco... Meu Sagrado Coração é vosso refúgio... (AVVD-26 de janeiro de 1998)


Abaixo encontra-se para leitura ou download o livro Orientações para os Grupos de Orações e o folheto Orientações de como conduzir um Grupo de Oração

arquivo: livro: Orientações para os Grupos de Orações

arquivo: Folheto: Orientações de como conduzir um Grupo de Oração

­